O futuro da propaganda


Para antecipar o futuro da propaganda, confira o que pensam nossos jovens consumidores.

 

Todos nós estamos vivendo as transformações da propaganda, principalmente diante de um cenário em que a internet e a tecnologia se fazem cada vez mais presentes no dia a dia.

A conexão entre marcas e público está pautada por novos hábitos, como a inseparável relação das pessoas com o seu celular. Mas não é apenas a tecnologia que rege essa conexão. O público está mais exigente e cansado da propaganda invasiva e sem propósito, que é criticada e rejeitada.

Separamos dois estudos recentes, realizados com consumidores mais jovens, que nos ensinam que é preciso rever o que pensamos sobre propaganda e investir cada vez mais em formas consistentes de conexão entre as marcas e as pessoas. Estratégias de marketing digital, produção de conteúdo relevante e a associação das marcas a uma causa são exemplos de caminhos que devemos seguir.

O primeiro conteúdo que indicamos é um estudo de Neuromarketing sobre o impacto da comunicação brasileira em  jovens e adultos. Um dos dados que saltam desse levantamento é que elementos relacionados a propósito em campanhas publicitárias engajam mais as gerações X e Y. Clique aqui e confira.

E para entender o que as crianças pensam sobre mídia e comunicação, confira esse vídeo produzido pelo Meio e Mensagem, que está mais para entretenimento do que para estudo. Divirta-se!

 

Compartilhe:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *